Audiência Pública discute reajuste tarifário do gás natural em maio

audiencia 11

 

A tarifa do gás natural terá um reajuste médio de 26,5% , a partir do dia 1º de maio, devido ao repasse de aumento do custo do gás por parte da Petrobras. A nova estrutura tarifária foi apresentada pela Companhia Paraibana de Gás (PBGÁS) em audiência pública realizada nesta sexta-feira (16) com a participação de representantes do segmento industrial, comercial, postos de combustíveis, Procon-PB e Agência de Regulação do Estado da Paraíba (ARPB). A nova estrutura tarifária será apreciada pela ARPB.

A PBGÁS está repassando o aumento de 38,8% no custo do gás dado pela Petrobras, empresa supridora, com base na elevação do preço da molécula que está vinculado à cotação internacional do petróleo e ao dólar, além da taxa de transporte. Por outro lado, a companhia não fez qualquer majoração da sua margem com objetivo de garantir a competitividade do produto frente aos demais energéticos, os quais vem registrando consecutivos aumentos.

Neste contexto, o reajuste será de 27,6% no segmento industrial, 27,5% no segmento automotivo (GNV), 31,9% no Gás Natural Comprimido (GNC), 12,5% no segmento comercial, 11,2% no segmento residencial, 33,5% no segmento EBVA (Energético de Baixo Valor Agregado), 34,8% no segmento de geração distribuída e 29,1% no setor cerâmico e de mineração.

 

Audiência Pública 002/2021