Notícias

Artigos da categoria "Notícias"

PBGÁS e FIEP vão formar Grupo de Trabalho para tratar sobre os efeitos da nova lei do gás no mercado

20 nov 2020   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

FIEP 2

Durante reunião nesta sexta-feira (20) entre diretores da PBGÁS e da Federação das Industriais do Estado da Paraíba (FIEP), foi definido a formação de um Grupo de Trabalho para tratar sobre os efeitos da nova lei do gás aprovada pela Câmara Federal e em tramitação no Senado Federal. A proposta do grupo técnico é discutir a nova legislação para a indústria do Gás Natural e enxergar oportunidades para o mercado local do estado da Paraíba.

 

Na ocasião, o novo diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, foi apresentado aos diretores da FIEP, Francisco Gadelha (Presidente), Magno Rossi e Renato Lago.   O diretor Técnico Comercial da PBGÁS, Paulo Campos,

o gerente de Mercado, Alairson Gonçalves e Regional, Renato Vilarim também participaram do encontro e falaram sobre a retomada do cons

umo do gás natural e as perspectivas de retomada do segmento industrial na Paraíba.

 

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, destacou que a reunião possibilitou estreitar os laços e definir um grupo técnico para avaliar as oportunidades para os clientes comerciais e uma agenda comum de fortalecimento do segmento industrial neste período de retomada da economia e de abertura do mercado de gás natural. Ele destacou a proposta de realização em 2021 de um wokshop com representantes do governo do Estado,  do setor privado e da PBGÁS sobre as perspectivas e oportunidades com a nova lei do gás com profissional de renome nacional.

 

O diretor-técnico comercial da PBGÁS, Paulo Campos, ressaltou o esforço da companhia durante a pandemia como a redução de 8,2%, em maio, e 16,9%, em agosto, na tarifa de gás natural para a indústria, parcelamento das faturas e suspensão de cortes durante o período mais crítico da pandemia. “Precisamos estar bem afinados com as mudanças regulatórias do gás e desafios da companhia para ampliar a rede de fornecimento e do segmento industrial para atravessarmos da melhor maneira essa crise e nos fortalecermos nessa retomada da economia”.

Nova lei do Gás-

 

O Projeto de Lei (PL) nº 6.407/2013, o novo marco para o setor de gás natural, chamado de Nova Lei do Gás, foi aprovado pela Câmara dos Deputados e tramita no Senado Federal.

A Nova Lei do Gás consolida os avanços necessários para a formação de um mercado de gás natural aberto, dinâmico e competitivo, promovendo condições para a redução do seu preço e, com isso, contribuir para a retomada econômica do País. A concorrência gerada irá promover retomada da competitividade da indústria nacional, especialmente nos segmentos de celulose, fertilizantes, petroquímica, siderurgia, vidro e cerâmica, além de impactos relevantes para o agronegócio, gerando mais empregos e renda para o brasileiro.

Prêmio Cantaloupe é entregue a participantes do Restaurant Week

18 nov 2020   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

restaurante week

Aconteceu na tarde de ontem (17) a entrega do Prêmio Cantaloupe e encerramento da Paraíba Restaurant Week 2020. O evento no Quality Hotel, reuniu imprensa, influenciadores, donos de restaurantes e patrocinadores do evento, como a Companhia Paraibana de Gás (PBGÁS).

 

Durante a premiação, foram apresentados os melhores restaurantes, pratos e chefs da Paraíba que marcaram presença nesta edição da Restaurant Week 2020. Ao todo, 28 restaurantes participaram do evento, foram vendidos mais de 13 mil menus, com faturamento de mais de R$ 1 milhão e mais de R$ 7 mil arrecadados para a ONG Milagre Sertão, que desenvolve trabalhos sociais em municípios paraibanos.  O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão e representantes da Cantaloupe entregaram a premiação aos três restaurantes que mais arrecadaram doações para a ONG Milagres do Sertão.

 

Jailson Galvão, destacou que iniciativas como essas vem num esforço de cada instituição deve fazer para promover a retomada a atividade econômica com a movimentação de mais de R$ 1 milhão e mais de R$ 7 mil arrecadados para ações sociais junto a pessoas de baixa renda. “A PBGÁS se sente honrada em fazer parte desse movimento pela recuperação deste importante setor que é a gastronomia em nosso Estado”.

 

 Confira abaixo a lista dos premiados:

Melhor entrada:

Al Dente – Pulled Pork

 

Melhor prato principal:

Almadouro – Cordeiro com couscous marroquino

 

Melhor sobremesa:

Matterello – Cannolis de ricota e limão siciliano

 

Melhor atendimento:

Santa Grelha

 

Melhor ambiente:

Estação Bananeiras

 

Prêmio revelação:

Meat Up

 

Prêmio de Arrecadação para ONG Milagre Sertão:

1° Feli – R$ 1.093,00

2° Adega – R$ 863,00

3° Mercado – R$ 774,00

Resultado da Audiência Pública N° 001/2020

21 out 2020   //   por Administrador   //   Audiências Públicas, Notícias

Na manhã dessa terça-feira, 20 de outubro de 2020, na sede da Companhia Paraibana de Gás, foi realizada Audiência Pública nº 001/2020, com transmissão ao vivo através de link disponibilizado no site da PBGÁS.

A Audiência foi convocada através de avisos publicados no Diário Oficial do Estado e no Jornal A União nos dias 3, 9 e 16 de outubro 2020 e no site da Companhia na internet, além dos comunicados enviados nas faturas dos clientes de todos os segmentos.

Na Audiência Pública, que teve a participação de representantes da ARPB e de usuários do gás natural, foi apresentada a nova estrutura tarifária por segmento, após o aumento do custo do gás promovido pela supridora, a vigorar a partir do dia 1º de novembro de 2020, após a homologação pela Agência de Regulação do Estado da Paraíba (ARPB).

A ata com os resultados da reunião e a apresentação dos fundamentos da medida estão à disposição de qualquer interessado nos links abaixo:

AP 001-2020 – Apresentação (20.10.2020)
AP 001-2020 – Ata (20.10.2020)
Vídeo da audiência pública

Presidentes da PBGás e do Porto de Cabedelo discutem projetos de desenvolvimento para o Estado

8 out 2020   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

PORTO-FEED

A presidente da Companhia Docas da Paraíba (Docas-PB), Gilmara Temóteo, recebeu a visita institucional do novo diretor-presidente da Companhia Paraibana de Gás (PBGás), Jailson Galvão na tarde da última terça-feira (6).

A visita serviu para aproximar as duas companhias e, após uma apresentação institucional, a presidente Gilmara Temóteo fez a apresentação dos cerca de 170 milhões de reais que estão em vias de investimento no Porto de Cabedelo e nas áreas arrendadas, como também falou dos resultados positivos alcançados pela Docas-PB nos últimos anos.

Ambos presidentes falaram do interesse em pensar novos projetos que envolvam o gás natural no âmbito do Porto de Cabedelo e da logística portuária como um todo. “Foi um excelente encontro e nosso desejo é continuar estreitando essa relação, com foco sempre no avanço da nossa Paraíba”, avaliou Gilmara Temóteo.

 

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, falou sobre a necessidade de fortalecer a cadeia do gás natural com a atração de novas indústrias e o e alinhamento aos projetos do Estado para atender o Porto de Cabedelo e o novo pólo turístico. “Pretendemos acelerar, dentro do nosso planejamento, a ampliação da rede de gás para Cabedelo a em áreas estratégicas economicamente para a Paraíba”, destacou Jailson

 

Galvão é engenheiro mecânico e ex-funcionário da Petrobrás. Foi eleito pelo Conselho de Administração da PBGás em setembro, quando também tomou posse com a missão, juntamente com a diretoria colegiada da empresa, de recuperar e fazer crescer o mercado do gás natural na Paraíba neste momento de crise ocasionada pela pandemia.

Aviso de Audiência Pública Nº 001/2020

A COMPANHIA PARAIBANA DE GÁS – PBGÁS, em atendimento a Lei Estadual Nº 8.767 de 15/04/2009, comunica aos usuários e demais interessados, que realizará AUDIÊNCIA PÚBLICA, com o objetivo de dar conhecimento e fundamentar a proposta de reajuste das tarifas do serviço público de distribuição de gás canalizado no Estado da Paraíba, a vigorar a partir de 01 de novembro de 2020.

A audiência será realizada de forma virtual no dia 20 de outubro de 2020, às 10h, e qualquer interessado poderá participar através do link abaixo.

Clique aqui para ingressar na Audiência Pública

A DIRETORIA

PBGÁS assina novo contrato de fornecimento de gás natural para fábricas do grupo Elizabeth

6 out 2020   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

WhatsApp Image 2020-10-06 at 10.38.44

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão foi recebido na tarde desta segunda-feira (5), pelo presidente da Elizabeth, José Nilson Crispim Junior e pelo Diretot geral executivo Manfredo Gouvêa Júnior. Na oportunidade foi entregue o novo contrato de fornecimento do gás natural aprovado pelas diretorias das duas empresas para as indústrias de porcelanato e de cerâmica instaladas na Paraíba.

Durante a visita institucional também foi tratado sobre o alinhamento estratégico entre a companhia e o grupo Elizabeth e as perspectivas de retomada econômica da Paraíba no pós pandemia. Os gerentes de mercado, Alairson Gonçalves e o assessor técnico comercial da PBGÁS, George Ferreira também participaram do encontro realizado na sede da indústria Elizabeth.

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, ressaltou o esforço da companhia para o segmento industrial como a redução de 8,2%, em maio, e 16,9%, em agosto, na tarifa de gás natural este ano, parcelamento das faturas e suspensão de cortes durante o período mais crítico da pandemia. “Destaco a importância da parceria com o maior grupo industrial do Estado, responsável pela geração de receitas e empregos que poderá continuar usufruindo de um energético eficiente para o seu processo produtivo”, ressaltou Jailson.

O CEO do grupo Elizabeth revestimentos, Manfredo Gouvêa Junior, destacou que a parceria com a PBGÁS é fundamental por garantir o fornecimento de uma matriz energética estratégica para as indústrias. “É importante que a diretoria da PBGÁS esteja sempre próximo ao segmento industrial , buscando o alinhamento de projetos e a proposição de uma discussão contínua para o fortalecimento da atividade industrial e o consequente fortalecimento da economia paraibana, sempre buscando garantir a competitividade das empresas que aqui investem a apostam no estado da Paraíba”. completou o executivo.

 

Gastronomia: PBGÁS se une aos restaurantes para reaquecimento do setor na Paraíba

1 out 2020   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

editada 4

Pela segunda vez consecutiva, a PBGÁS apresenta o Festival Restaurant Week Paraíba que acontece entre 16 de outubro e 8 de novembro, em 40 restaurantes parceiros de João Pessoa, Campina Grande, Conde e Bananeiras. Na noite desta quarta-feira (30), aconteceu o lançamento para a imprensa, influenciadores e parceiros.

 

O festival é uma ação da agência Cantaloupe para a retomada da aceleração do segmento de restaurantes da Paraíba que sofreu forte impacto na pandemia.  Nesta edição o Festival será  híbrido: por delivery e presencial onde os restaurantes parceiros que criam um menu especial formado por entrada + prato  principal + sobremesa, com preços diferenciados do cardápio da casa.

 Premiação dos melhores 

Nesta edição 2020, os melhores restaurantes serão premiados pelo festival através de votação dos clientes por categorias. O festival também terá um caráter social onde o cliente participante poderá doar + R$ 1,00 em gorjeta e colaborar com o projeto social @milagresertao, que desenvolve um trabalho importante de assistência social e cidadania a pessoas vulneráveis. “Na edição de 2019 arrecadamos R$ 11 mil para a entidade Milagres do Sertão e acreditamos que este ano, com mais restaurantes parceiros e a participação das pessoas, poderemos arrecadar muito mais beneficiando ainda mais paraibanos de baixa renda”, destacou Marina Sá, coordenadora do festival.

 

De acordo com Marina Sá, a PBGÁS esteve junto a Cantaloupe e aos restaurantes no auge da pandemia, participando da versão delivery do festival que trouxe como resultado a distribuição de 2 mil quentinhas em comunidades carentes de João Pessoa. “Agora, mais uma vez estamos juntos, neste momento em que os restaurantes estão voltando a funcionar e a economia precisa reaquecer”.

 

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, destacou que o segmento dos restaurantes é bastante relevante para a companhia e está associado à vocação da gastronomia paraibana, que é reconhecida como referência nacional.

 

“Iniciativas como essas vem num esforço de cada instituição deve fazer para irmos retomando a atividade econômica e a PBGÁS desde o inicio da pandemia tomou medidas impactantes como a redução do preço do gás em 15,8%, o parcelamento de faturas e o apoio ao delivery solidário, que possibilitou a distribuição de quentinhas num momento delicado que vivenciamos.  Isso tudo soma para a recuperação do setor com a segurança necessária e cumprimento das normas sanitárias para funcionários e os clientes dos restaurantes”, destacou Jailson.

 

prêmio Cantaloupe

Comida Mineira: PBGás conecta mais um restaurante ao gás natural

25 set 2020   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

IMG_8624

O restaurante Mina D’água foi conectado à rede de gás natural canalizado da PBGÁS e iniciou suas atividades nesta terça-feira (15), com a união do gás paraibano e a culinária mineira. A companhia estadual já possui 312 clientes no segmento comercial, entre restaurantes, hotéis, lanchonetes e lavanderias, que utilizam um combustível mais prático, econômico e seguro.

Localizado no bairro de Manaíra, o restaurante Mina D´ Água, referência nacional em comida mineira, optou por utilizar o gás natural em sua cozinha pela experiência dos seus proprietários, que já utilizam o gás canalizado em suas duas unidades no Rio Grande do Norte.  O chef Geraldinho e o empresário Virgílio, proprietário do empreendimento, contaram que o sonho de trazer uma unidade do restaurante para João Pessoa é antigo e com o crescimento turístico da cidade nos últimos anos, se concretiza agora.

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, ressaltou a importância da chegada de mais um cliente comercial ampliando a participação do gás natural no mercado comercial da Paraíba nesse momento de reaquecimento do setor. “ O Mina D´ Água é um restaurante de referência na culinária mineira e ficamos felizes em termos na nossa carteira de clientes. Mesmo neste período em que vivemos em uma pandemia, a companhia continua interligando estabelecimentos comerciais pelo reconhecimento dos empresários sobre as vantagens do gás natural como fornecimento contínuo, segurança, eficiência e comodidade”.

O empresário Virgílio disse que o empreendimento optou pelo gás natural na unidade de João Pessoa pela praticidade de não precisar estocar botijões e nem reabastecer, o que é mais prático e seguro. “Também constatamos uma economia de mais de 15% na conta do gás em nossas unidades em Natal, se comparado ao GLP, o que é relevante nesta etapa de abertura da nossa unidade em João Pessoa”.

De acordo com o chef Geraldinho, o restaurante fornece pratos típicos da culinária mineira, a exemplo do feijão tropeiro, tutu, costelinha com molho picante de goiaba, torresmo e o tradicional pão de queijo, além de produtos tipicamente mineiros.  Ele destacou que no processo a qualidade da chama do gás natural é importante no processo de preparo dos pratos de uma forma mais ágil.

IMG_8602

 

.

Cozinha Paraibana: PBGÁS conecta restaurante regional em João Pessoa

14 set 2020   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

IMG_8531

A tradição da comida regional paraibana chegou a João Pessoa com todo o gás. O restaurante Cantina do Manoel, em Manaíra, foi conectado ao gás natural canalizado e opera com combustível mais prático, econômico e seguro. O restaurante, do mesmo grupo do tradicional restaurante Manoel da Carne de Sol que funciona a quase 60 anos em Campina Grande, está aberto ao público desde a última quinta-feira (10).

Com a chegada da Cantina do Manoel, já são 312 estabelecimentos comercias conectados ao gás natural na Paraíba. O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, afirmou que mesmo em um período delicado da economia, a companhia continua interligando restaurantes com o reconhecimento dos empresários das vantagens do gás natural como fornecimento contínuo, segurança, eficiência e comodidade. “A cada cliente ligado comemoramos mais empregos gerados, a exemplo do que ocorreu no restaurante Cantina do Manoel, que possui uma tradição familiar e é referência na culinária Nordestina e na deliciosa carne de sol.”

O empresário Thiago Oliveira destacou a praticidade por não precisar de reabastecimento e a segurança de não precisar armazenar botijões como vantagens na utilização do gás canalizado. “Estamos satisfeitos com o atendimento ágil da PBGÁS nesses primeiros dias e com a adequação do gás canalizado aos nossos equipamentos da cozinha ganhamos em segurança e comodidade para funcionários e clientes”, avaliou Thiago.

Thiago Oliveira informou que o restaurante iniciou em Manaíra atendimento ao público nesta quinta-feira (10) e conta com um time de 25 funcionários preparados para um atendimento de excelência e qualidade que são marcas dos restaurantes em Campina Grande, na BR-230 e agora na Capital paraibana.

 

História

O restaurante Manoel da Carne de Sol surgiu em 1961 em Campina Grande e ganhou destaque com pratos regionais como a tradicional carne de sol com farofa d´água. A tradição do seu Manoel passou para o filho Marcelo e o neto Thiago, que abriram as Cantinas do Manoel em Campina Grande,  no condomínio Lagos, na BR-230 e agora a mais nova unidade no bairro de Manaíra, em João Pessoa.

 

 

 

 

 

 

 

 

Engenheiro Jailson Galvão assume presidência da PBGÁS com missão de fortalecer o mercado do gás na Paraíba

3 set 2020   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

jailson e secretários

O engenheiro Jailson Galvão é o novo diretor-presidente da Companhia Paraibana de Gás (PBGÁS). Jailson foi eleito pelo Conselho de Administração da companhia na manhã desta quinta-feira (3) e tomou posse com a missão, juntamente com a diretoria colegiada da empresa, de recuperar e fazer crescer o mercado do gás natural na Paraíba neste momento de crise ocasionada pela pandemia.

A posse contou com a presença do secretário de infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente do Estado, Deusdete Queiroga, do presidente do Conselho de Administração da PBGÁS, Marcelo Cavancante e de colaboradores da companhia que utilizaram máscaras e respeitaram o distanciamento social.  Deusdete Queiroga deu as boas vindas a Jailson Galvão destacando a sua experiência para fazer a PBGÁS crescer neste momento de mudanças com a aprovação pelo Congresso da nova Lei do gás.

Ex-funcionário da Petrobras, empresa onde atuou por 35 anos, Jailson Galvão é engenheiro mecânico e de segurança no trabalho e também advogado, com MBA em gestão de negócios. Atuou por 14 anos como diretor Técnico Comercial da Companhia de Gás de Pernambuco (Copergás) e também passou pela mesma diretoria na PBGÁS em 2018, acumulando larga experiência no mercado de gás canalizado.

A diretoria executiva da PBGÁS passa a ser formada pelo diretor presidente, Jailson Galvão, que representa o acionista  Estado da Paraíba, pelo diretor Técnico Comercial, Paulo Campos, que representa a Gaspetro, e pela Diretora Administrativa Financeira, Taciana Amaral, representante da Mitsui Gás.

O novo diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, afirmou que assume a função com objetivo de contribuir com o fortalecimento da companhia neste momento que surge o novo marco regulatório do gás no país. “É um momento que requer reflexões diante das mudanças regulatórias e nesse contexto precisamos efetivamente fortalecer a cadeia do gás natural com novas conquistas para o Estado da Paraíba”.

Jailson Galvão ressaltou que diante das perspectivas de aumento da produção nacional, da oferta de gás no mercado mundial e com a possível chegada de novos supridores, existe a expectativa de um preço mais competitivo do produto para o mercado, inclusive para o Gás Natural Veicular (GNV). “É um momento que exigirá da nossa parte muito empenho  para viabilizar novos arranjos industriais para o Estado a partir, por exemplo, da ampliação da rede de gasoduto para Cabedelo e para Caaporã e a interiorização do gás, ampliando a infraestrutura de dutos e a oferta de gás para o mercado paraíbano”, destacou Galvão.

IMG_8571

Páginas:«12345678...48»