Fórum: Engenheiros apresentam diversas aplicações do gás natural na construção civil

7 ago 2018   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

IMG_1730

Os benefícios e aplicações do gás natural na construção civil foram apresentados pelos engenheiros da Companhia Paraibana de Gás (PBGÁS), Alairson Gonçalves Filho e Marco Antônio Coutinho, na noite de abertura do III Fórum Inovar& Construir: Tendências Tecnológicas da Construção Civil.

O fórum será aberto na noite desta quarta-feira (8) e segue durante todo dia de quinta–feira (9), no Centro Cultural Ariano Suassuna, com palestras sobre o uso da tecnologia BIM na elaboração de projetos e execução de obra.  O presidente do Sinduscon/JP, João Batista, o vice-presidente da FIEP, Magno César Rossi, o presidente da PBGÁS, George Morais,  a jornalista e diretora da Revista Edificar, Naná Garcez e o representante da Câmara Brasileira da Construção Civil, Irenaldo Quintans e do Sebrae abriram o evento.  Na abertura também contou com palestra do cientista político Leonardo Barreto sobre os cenários político e das eleições 2018, social e econômico do país.

O gerente e de engenheiro da PBGÁS, Alairson Gonçalves Filho, destacou apresentou as vantagens do gás natural e a agregação de valor aos empreendimentos. Ele acrescentou que o gás natural oferece a percepção de modernidade aos prédios e condomínios com a utilização, além da cocção em fogões e fornos e na geração de energia. “O gás natural oferece várias aplicações que vão desde o  aquecimento dos chuveiros e piscinas, passando pelas churrasqueiras a gás das Varandas Gourmet, até o conforto da climatização de ambientes da área comum do edifício”.

O gerente de Mercado Residencial e Comercial da PBGÁS, Marco Antônio Coutinho, apresentou aos participantes a infraestrutura de rede de distribuição do gás natural em João Pessoa e Campina Grande, os novos empreendimentos a aderirem ao gás natural e os projetos de ampliação de rede em execução e previstos para o próximo ano.  A companhia neste momento está ampliando a rede em João Pessoa com a construção de 4,7 km de que possibilitarão levar o gás natural canalizado a 2 mil residências e comércios localizados em 23 ruas dos bairros do Brisamar, Jardim Luna e Miramar.   licações do Gás Natural em Novas Habitações Residenciais.

O engenheiro lembrou que com a greve dos caminhoneiros, muitos moradores de João Pessoa, e até mesmo bares e restaurantes ficaram sem gás, porém, empreendimentos residenciais e comerciais que já estão interligados na rede de distribuição da PBGÁS não enfrentaram problemas de abastecimento, com as suas rotinas mantidas. “A comodidade do fornecimento contínuo, o ganho de espaço sem a necessidade de armazenamento e a economia são alguns atributos do gás natural canalizado”, explicou Marco Coutinho.

Entre os palestrantes do fórum estão o engenheiro e professor Ênio Pazini Figueiredo, o presidente da Comissão de Materiais da CBIC, Dyonizio KLavdianos e o engenheiro Evandro César Ferreira, que falará sobre como as novas tecnologias do cotidiano estão interferindo no projeto de um empreendimento. Também está confirmado o engenheiro civil Ricardo Lombardi Junior, integrante do Grupo Parede de Concreto da ABCP.

O Sinduscon-JP, em parceria com o Sebrae/PB e a Supermidia Comunicação/ Revista EDIFICAR, para o evento tem o apoio da Câmara Brasileira da Indústria da Construção Civil (CBIC), da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (FIEPB), da PBGÁS da Cerâmica Elizabeth, da Cooperativa da Construção Civil (Coopcon), do CREA-PB e do CRECI-PB.

 

IMG_1761