Notícias

Artigos da categoria "Notícias"

Abastecer com GNV pode trazer mais de R$ 700 de economia por mês

15 set 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

Com a alta nos preços dos combustíveis liquidos, o Gás Natural Veicular (GNV) vem garantindo a redução dos gastos na hora de abastecer o veiculo na Paraíba. Atualmente, rodar com o GNV gera uma economia de 43% para motoristas da Grande João Pessoa e 37% de Campina Grande. A competitividade leva em conta a relação do valor do combustível, desempenho médio do veículo e distância percorrida com a gasolina e o gás natural.

Segundo levantamento da Companhia Paraibana de Gás (PBGás) no aplicativo Preço da Hora, realizado no dia 15 de setembro, o valor médio da gasolina nos postos da Capital era de R$ 5,88, enquanto do GNV é de R$ 4,15.

Para se ter ideia da economia, o motorista que rodar 3 mil km por mês, por exemplo, terá uma economia de R$ 705,42, com base no desempenho médio de um veículo popular. Enquanto rodando na gasolina ele gastaria R$ 1.648,60 por mês, no GNV apenas R$ 943,18.

Já em Campina, na gasolina ele desembolsaria R$ 1.665,42, e no GNV R$ 1.056,82, obtendo uma economia de R$ 608,60.  “Trabalho há mais de 2 anos como motorista de aplicativo e desde que instalei o kit GNV de 5ª geração, senti uma melhoria significativa na economia”, afirmou o motorista Feliciano Fernandes.

O diretor presidente da PBGás, Jailson Galvão, destacou que essa é uma economia considerável para motorista, principalmente os que rodam muito e utilizam o carro como instrumento de trabalho que podem aumentar seus lucros. É só fazer a conta que o motorista percebe que ele vai rodar mais e gastar menos com o combustível” afirmou.

Jailson destacou os avanços verificados nos últimos anos nos kits GNV e a importância da instalação em oficinas homologadas pelo INMETRO.  “Hoje os kits de 5ª geração preservam integralmente o desempenho do veículo e a sua economia”.

O gerente de Mercado Automotivo da PBGás, Alairson Gonçalves Filho, lembrou que historicamente o GNV é mais econômico que a gasolina e o etanol. O GNV ao longo do tempo,  assim como é hoje, sempre foi mais barato que os demais combustíveis líquidos. “Imagine se você tivesse economizado nos últimos 20 anos aproximadamente 40% dos gastos com todo combustível que abasteceu, seria um bom dinheiro. Quem roda com GNV sabe disso e se mantém do lado da economia”, explicou.

 

Veja quadro de economia GNV 

Quadro de economia atualizado

 

 

Motorista que roda no GNV pode economizar R$ 650 por mês em relação à gasolina. Saiba como

31 ago 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

Banner-capanha-Vai-de-Gas---Site

Após os reajustes consecutivos da gasolina e do álcool neste ano, rodar com Gás Natural Veicular (GNV) ficou ainda mais econômico proporcionando uma economia de mais de 40% para motoristas da grande João Pessoa e 35% de Campina Grande.  A competitividade leva em conta a relação do valor do combustível, desempenho médio do veículo e distância percorrida com a gasolina e o gás natural.

Segundo levantamento da Companhia Paraibana de Gás (PBGás) no aplicativo Preço da Hora, o valor médio da gasolina nos postos da Capital de R$ 5,69, enquanto do GNV é de R$ 4,15.

 

Para se ter ideia do tamanho da economia, o motorista que rodar 3 mil km por mês, por exemplo, terá uma economia de R$ 650,00, com base no desempenho médio de um veículo popular. Enquanto rodando na gasolina ele gastaria R$ 1,592,54 por mês, no GNV apenas R$ 943,18. “Trabalho a mais de 2 anos como motorista de aplicativo e desde que instalei o kit GNV de 5ª geração, senti uma melhoria significativa na economia com os gastos na hora de abastecer”, afirmou o motorista Feliciano Fernandes.

 

“Essa é uma economia considerável para motorista, principalmente os que rodam muito e utilizam o carro como instrumento de trabalho que podem aumentar seus lucros. É só fazer a conta que o motorista percebe que ele vai rodar mais e gastar menos com o combustível” afirmou o diretor presidente da PBGás, Jailson Galvão.

 

O diretor técnico comercial da PBGás, Odilson Nóbrega, destacou os avanços verificados nos últimos anos nos kits GNV.  “Hoje os kits de 5ª geração preservam integralmente o desempenho do veículo e a sua economia. Por isso recomendamos que as conversões sejam feitas em oficinas credenciadas pelo INMETRO, garantindo assim sua eficiência e segurança”, explicou Odilson.

 

O gerente de Mercado Automotivo da PBGás, Alairson Gonçalves Filho, lembrou que historicamente o GNV é mais econômico que a gasolina e o etanol. O GNV ao longo do tempo,  assim como é hoje, sempre foi mais barato que os demais combustíveis líquidos. “Imagine se você tivesse economizado nos últimos 20 anos aproximadamente 40% dos gastos com todo combustível que abasteceu, seria um bom dinheiro. Quem roda com GNV sabe disso e se mantém do lado da economia”, explicou.

 

Na Paraíba, de acordo com o INMETRO, há 7 oficinas são credenciadas para instalação dos kits GNV, sendo 3 em João Pessoa e 3 em Campina Grande e 1 em Bayeux.  O custo das conversões varia entre R$ 4 mil e 5 mil. Mais detalhes podem ser consultados no endereço eletrônico http://www.inmetro.gov.br/inovacao/oficinas/lista_oficinas.asp?end=1&descr_estado=pb  ou no Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC), pelo 0800 281 0197.

 Listagem de Instaladores Registrados INMETRO – GNV

 

EXTRA GAS COMÉRCIO AUTOMOTIVO E GNV LTDA. (EXTRA GAS)
Endereço: AV ADERBAL PIRAGIBE, 453 – CEP 58015000
Ativo PB JOÃO PESSOA JAGUARIBE
JOSÉ ADEILMO NUNES BARBOSA-ME (NORDESTE GNV)
Endereço: RUA SALOMÃO PEREIRA DE ALMEIDA, 272 C – CEP 58414743
Ativo PB CAMPINA GRANDE TAMBOR
JOSÉ DE ARIMATEIA VIEIRA DA SILVA-ME (ARI DO GAS NATURAL)
Endereço: RUA FLÁVIO VELOSO , 10 – CEP 58415065
Ativo PB CAMPINA GRANDE JARDIM PAULISTANO
JOSÉ ROBERTO DE ANDRADE DANTAS – ME (BETO ACESSÓRIOS)
Endereço: RUA FRANCISCO MARQUES DA FONSECA, S/N – CEP 58308001
Ativo PB BAYEUX BRASILIA
MAECIO SERVIÇOS AUTOMOTORES LTDA. (MAECIO AUTO SERVICE)
Endereço: AV JORNALISTA ASSIS CHATEAUBRIAND, 2630 – CEP 58414500
Ativo PB CAMPINA GRANDE TAMBOR
MYLENA ROCHA DA SILVA (GNV PRIME GÁS NATURAL)
Endereço: AV NOSSA SENHORA DE FÁTIMA, 1852 – CEP 58040380
Ativo PB JOÃO PESSOA TORRE
PIETRUS SOARES LAVOR (PB CONVERT GNV)
Endereço: AV JOÃO MACHADO, 584 – CEP 58013520
Ativo PB JOÃO PESSOA JAGUARIBE

Companhias de Gás do Nordeste discutem direito de preferência dos Estados na compra das ações da Gaspetro

26 ago 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

Encontro Governadores do NE

Os diretores presidentes das distribuidoras de gás da região Nordeste se reuniram nesta quarta-feira, 25, em Natal para alinhar diversas pautas como o direito de preferência dos Estados na compra das ações da Gaspetro, uma vez que a Petrobras está saindo do mercado de distribuição de gás.

O Encontro foi sediado pela Companhia Potiguar de Gás (Potigás) e realizado após a reunião dos Governadores da região. Os presidentes das companhias trataram do transporte de gás e os novos contratos de suprimentos que estão sendo fechados pelas distribuidoras para aquisição de gás natural.

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, disse que foi muito importante a realização do encontro das distribuidoras dentro do fórum de governadores do Nordeste com a discussão da venda das ações da Gaspetro onde houve um posicionamento unificado dos governadores no sentido de exercer o direito de preferência das ações postas a venda, assim como demonstrou o governador João Azevêdo.

Na avaliação de Jailson Galvão, isso dará uma maior ação na diretoria, no conselho de administração e em toda a administração. “Neste momento que o setor de gás passa por uma transição com um novo marco regulatório (A nova lei do Gás, promulgada em abril deste ano e a saída da Petrobras da Distribuição também é um importante momento para o Estado se reposicionar dentro da companhia que tem o papel de levar a infraestrutura do gás para cada vez mais paraibanos (as)”, pontuou.

Participaram do encontro os diretores presidentes das Companhias de Gás de Alagoas (Algás), Bahia (Bahiagás), Ceará (Cegás), Maranhão (Gasmar), Paraíba (Pbgás), Piauí (Gaspisa) e Sergipe (Sergás) do Rio Grande do Norte (Potigás), que também acompanhara, a reunião dos governadores realizada em Natal.

 

Em reunião, João Azevêdo assegura que Paraíba exercerá preferência na aquisição de cotas da Petrobras para investimentos na PBGás

25 ago 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

 

reunião fórum governadores

O governador João Azevêdo e demais governadores do Nordeste participaram, nesta quarta-feira (25), em Natal, no Rio Grande do Norte, de Assembleia do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste (Consórcio Nordeste), ocasião em que discutiram a venda da participação da Petrobras nas distribuidoras de gás dos estados.

Na oportunidade, o chefe do Executivo da Paraíba afirmou que o estado exercerá a preferência de aquisição das ações pertencentes a Petrobras com a venda da Gaspetro que possui participação em 19 companhias de gás do país. A Companhia Paraibana de Gás (PBGás) possui como acionistas o Governo da Paraíba, a Mitsui Gás e a Gaspetro.  “No nosso caso, a intenção é de exercer a preferência de aquisição dessas cotas e fortalecer a Companhia para que ela continue prestando os serviços, ampliando os investimentos. Nós temos projetos de expansão e queremos colocá-slo em prática para exercer um melhor o trabalho na PBGás”, comentou.

Além da governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra, estiveram presentes os governadores Wellington Dias (Piauí), Flávio Dino (Maranhão), Renan Filho (Alagoas), os vice-governadores Antenor Roberto (Rio Grande do Norte), Luciana Santos (Pernambuco) e Eliane Aquino (Sergipe) e  ainda e ainda o secretário executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Gabas. Na comitiva da Paraíba participaram do encontro os secretários Deusdete Queiroga (Infraestrutura e Recursos Hídricos), o diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, Nonato Bandeira (Comunicação), Tibério Libeira (Desenvolvimento Humano) e o chefe de gabinete, Ronaldo Guerra.

Diretorias da PBGÁS e Potigas discutem mudanças no mercado de gás natural

20 ago 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

potigas

A presidente da  Companhia Potiguar de Gás  (Potigás), Larissa Dantas e o diretor técnico e comercial, Sérgio Henrique Guimarães de Paula, receberam nesta quarta-feira (18), a visita dos representantes da Companhia Paraibana de Gás (PBGÁS).

 

Odilson Nóbrega, diretor técnico comercial da PBGÁS e Alairson Gonçalves, gerente de Mercado Industrial e Automotivo, estiveram na sede da Potigás e discutiram sobre o cenário atual do mercado do gás natural, a abertura do mercado de gás no Nordeste, além da troca de experiências na gestão das Companhias.

 

O diretor Odilson Nóbrega disse que a reunião foi positiva pela troca de experiência sobre a gestão das companhias, além das mudanças significativas no mercado de gás como as negociações com  novos supridores com a perspectiva de barateamento no preço da molécula do gás natural.

 

 

Prêmio Cantaloupe é entregue aos vencedores do Restaurant Week 2021

13 ago 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

IMG_1230

A edição do Restaurant Week 2021 foi encerrada na noite desta quarta-feira (11) com a entrega de prêmio Cantaloupe aos melhores restaurantes e pratos na Paraíba. O evento realizado no Holanda’s Prime reuniu imprensa, influenciadores, donos de restaurantes, fornecedores, representantes da PBGÁS, São Braz, Uninassau e outros patrocinadores.

Durante a premiação, foram apresentados os melhores restaurantes, pratos e chefs do estado que marcaram presença nesta edição da Paraíba Restaurant Week. Ao todo, 27 restaurantes participaram da edição 2021, quando foram vendidos mais de 22 mil menus, garantindo um faturamento de mais de R$ 1,2 milhão durante o período. Uma importante ferramenta para a saúde financeira dos restaurantes neste momento de retomada da economia.

O diretor técnico comercial da PBGÁS, Odilson Nóbrega, afirmou que o setor de restaurantes é um dos principais focos da companhia, que tem em sua carteira de clientes cerca de 300 restaurantes usufruindo das vantagens do gás canalizado. “O Paraíba Restaurant Week é um evento consolidado no país e que dá muita visibilidade à gastronomia local, ajudando a aumentar o faturamento dos restaurantes, o que importante, principalmente no momento de retomada da economia”.

IMG_1075

 

 Prêmio Milagre Sertão   

Os 27 restaurantes participantes desta edição conseguiram levantar mais de R$ 13 mil, que vão beneficiar famílias do interior paraibano que precisam de doações de alimentos, roupas, brinquedos e outros itens de necessidade básica. Odilson Nóbrega também destacou o papel social do Festival com a arrecadação de contribuições para a ONG Milagre Sertão desenvolver projetos sociais com doação de alimentos e quites de higiene.  “O Festival cumpre o seu papel na vertente econômica, social e de fortalecimento da gastronomia no Estado da Paraíba”.

 

Conheça os resultados finais da Restaurant Week 2021.

Prêmio Cantaloupe 2021

Menu 3 Tempos: Adega

Melhor Entrada: Estação Bananeiras

Melhor Prato Principal: Meat Up

Melhor Sobremesa: Felí Contempô

Melhor Atendimento: Santa Grelha

Melhor Ambiente: Jun Sakamoto

PBGÁS assina contrato de patrocínio a equipes de Futsal do Clube Campestre

9 ago 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

reunião campestre 2

A Companhia Paraibana de Gás (PBGás) e o Clube Campestre assinaram nesta sexta-feira (6), contrato de patrocínio para o projeto “Dando o Gás para o Esporte”, com apoio as equipes de Futsal sub-15 do clube de Campina Grande. O patrocínio, no valor de R$ 10 mil, tem por objetivo apoiar a prática esportiva de jovens atletas e também o projeto social que oferece a prática do futsal a mais de 40 crianças de baixa renda.

O contrato foi assinado pelo diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, pelo diretor Técnico Comercial, Odilson Nóbrega e pelo presidente do Clube Campestre, Alex Marcolino. De acordo com Alex Marcolino o apoio da PBGÁS representa um reforço importante para as equipes de futsal do Campestre disputarem a Taça Brasil, sub 13, e a 2ª Copa Campestre, e chegarem mais longe nessas competições. “É com muita satisfação e responsabilidade que traremos o nome da PBGÁS, uma empresa conceituada e importante no desenvolvimento do estado, em nossa camisa”, destacou.

Reunião Campestre 1

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, falou da satisfação da PBGÁS em apoiar um Clube tradicional, competitivo e com mais de 60 anos de história em Campina Grande, uma cidade estratégica para a companhia na ampliação da rede de gás canalizado. “Essa é uma parceria que fortalece nossos princípios de responsabilidade social e ambiental, com um apoio a projetos de incentivo a prática de esporte e ao fortalecimento do Futsal paraibano”.

 

 Futsal Campestre

O projeto Futsal Campestre envolve equipes de futsal na faixa etária de 7 a 15 anos com a participação de 150 atletas, além de um projeto social que beneficia 40 crianças de baixa renda das escolas da rede municipal de Campina Grande, com aulas de reforço escolar para os jovens atletas. As equipes de Futsal do Campestre disputam torneios regionais e nacionais, representando a cidade de Campina Grande e à Paraíba.

Para este ano estão previstos a realização da 2ª Copa Campestre, nos dias 24, 25 e 26 de setembro, em Campina Grande, e Taça Brasil Sub-13, com a participação das equipes das equipes campeãs dos estados brasileiros, que será sediado em João Pessoa no mês de novembro.

 

 

 

Nota de Pesar

5 ago 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

A Companhia Paraibana de Gás (PBGÁS) lamenta o falecimento nesta quarta-feira (04), de Yara Gonçalves Lopes da Fonseca, 82 anos, mãe do Gerente de Planejamento e Gestão da companhia, Flávio Lopes Fonseca.

Dona Yara Lopes faleceu após complicações decorrentes de um procedimento cirúrgico no coração. Ela é natural de Recife e mãe de 3 filhos.

Em nome da Diretoria Executiva da PBGÁS, Jailson Galvão, lamentou o corrido e externou seus pêsames a Flávio Fonseca e a toda a família. “Envio um abraço solidário nesse momento de muita dor”, completou.

NOTA-DE-PESAR-Yara-Gonçalves (2)

Algás, Bahiagás e PBGás recebem propostas em Chamada Pública para aquisição de gás natural

4 ago 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

A Chamada Pública coordenada para aquisição de gás natural, lançada no dia 22 de junho de 2021 pelas Companhias Distribuidoras Locais (CDLs) Gás de Alagoas S.A. (Algás), Companhia de Gás da Bahia (Bahiagás) e Companhia Paraibana de Gás (PBGás), teve o prazo para recebimento de propostas encerrado no último dia 23 de julho. Ao todo, foram recebidas propostas de 11 diferentes empresas ofertantes.

Desde então, as comissões de suprimento de cada distribuidora vêm avaliando as propostas para indicar, até o próximo dia 31 de agosto, as empresas que estarão habilitadas a seguirem para a etapa de negociação do suprimento de gás para os próximos anos, conforme os lotes ofertados.

As CDLs que coordenam a Chamada Pública reconhecem, de forma muito positiva, o interesse e a participação de importantes supridores em praticamente todas as modalidades possíveis, como comercializadores, grandes produtores (onshore e offshore) e importadores de gás natural liquefeito (GNL) através de terminais de regaseificação.

 Segue abaixo a relação dos proponentes em ordem alfabética:

Os proponentes que apresentaram propostas de fornecimento de gás foram Compass, EBrasil LNG, Equinor, Excelerate Energy, Galp, Gas Bridge, New Fortress Energy, Origem, Petrobras, PetroReconcavo e Shell.

 

A documentação referente à Chamada Pública pode ser acessada no site das CDLs:

 

Esclarecimentos adicionais podem ser obtidos através dos e-mails de cada Companhia Distribuidora.

 

Chamada Pública Coordenada

A Chamada Pública, realizada em conjunto pela Algás, Bahiagás e PBGás, tem o objetivo de diversificar as fontes supridoras e buscar melhores condições mercadológicas para os usuários de gás natural canalizado nos estados de Alagoas, Bahia e Paraíba.

Atualmente, as três companhias distribuem gás natural para mais de 138 mil clientes nos seus respectivos estados, com uma rede de distribuição somada de 1.967 km.

 

 

 

 

 

 

PBGÁS inicia obras de extensão de rede de gás nos Bancários

28 jul 2021   //   por Clóvis Augusto Guimarães Gaião de Queiroz   //   Notícias

IMG_9060 Imprensa

A PBGÁS chega a zona Sul com o início das obras de extensão de rede de gás no bairro dos Bancários.   Com a rede de gás PBGÁS leva mais comodidade, modernidade e economia para residências e comércios em um dos maiores bairros da Capital.

Nesta primeira etapa serão implantados 2,6 km de rede de gás canalizado nas ruas João Galiza de Andrade, Avenida Flamboian, rua dos Angelins, até a avenida Rosa Lima de Sousa, num investimento de mais de R$ 1 milhão.

De acordo com o diretor técnico comercial da PBGÁS, Odilson Nóbrega, as obras seguem em ritmo acelerado na rua Rosa Lima de Sousa com a utilização de máquinas de furo direcional que diminuem o tamanho das escavações, possibilitam uma rápida recomposição do asfalto e evitam maiores transtornos para o trânsito de veículos no local da obra.

O diretor-presidente da PBGÁS, Jailson Galvão, disse que a companhia está focada em ampliar sua rede de gás em João Pessoa e Campina Grande com um investimento superior a R$ 7 milhões para oferecer uma alternativa energética para as pessoas em suas residências, comércios e empresas. Jailson destacou as vantagens do gás canalizado como o fornecimento contínuo, não precisar estocagem, pagamento após o consumo e a segurança, já que é mais leve que o ar. Ele pediu compreensão da população durante o período das obras e destacou que o transtorno passa, mas o benefício fica em sua rua e em seu bairro.

Obras no Bessa e Jardim Oceania

A PBGÁS concluiu neste mês de julho as obras de extensão de gás canalizado no Jardim Oceania e 1ª etapa do Bessa. Foram investidos mais de R$ 3 milhões para implantação de 12 km de gasodutos, que já estão fornecendo gás canalizado a prédios, hotéis e comércios nos bairros. Os bairros da Orla da Capital, além do Miramar, Brisamar, João Agripino, Altiplano e parte da Torre, já contam com rede de gás canalizado.

 

Páginas:1234567...48»